Sábado, 28 de Maio de 2022
1 2
:
2 1
Escute a rádio online | Cuiabá

Notícias | Descontexto

01/01/2022 - 01:14 | Atualizada em 02/01/2022 - 21:20

Luto na Imprensa

Morre o comunicador e ex-deputado Lino Rossi

Giro Conti

Luto na Imprensa

Foto: Giro Conti

Por Ariana Martins

Morreu na noite desta sexta-feira (31), o comunicador e ex-deputado federal, Lino Rossi. Ele havia sido internado em estado gravíssimo, em um hospital particular de Cuiabá.

Lino apresentou sintomas de gripe há 4 dias e estava se tratando em casa, mas devido piora no quadro de saúde foi ecancaminhado para o Hospital São Mateus. Devido ao estado gravíssimo ele foi imediatamente encaminhado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com "insuficiência respiratória e hipotensão. Além disto, ele estava com insuficiência renal", informou boletim médico.

Lino Rossi era um dos mais conhecidos comunicadores do Estado. Ele trabalhou em programas de televisão como o Cadeia Neles (TV Vila Real), e o Cidade Alerta em nível nacional. No rádio, apresentava o  Programa Chamada Geral (Band FM). Atualmente ele era apresentador do Jornal Giro Notícias na Rádio Conti FM (103.7).

Ele também fez carreira na política. Foi vereador em Cuiabá e deputado federal entre os anos de 1998 e 2006. 


A Rede Conti agradeceu pelo tempo em que ele esteve na emissora e lamenta profundamente a morte do maior comunicador de Mato Grosso.

"A Rede Conti agradece por todo esse tempo de convivência com esse ser humano incrível. A imprensa, a política e toda a sociedade mato-grossense perdem não só um grande profissional, mas um homem de coração gigante. Que Deus possa confortar o coração de todos os amigos e familiares".



Lino Rossi em Convenção da Rádio Conti

Por meio de nota, o Governador Mauro Mendes lamentou a morte de Lino Rossi.

"Recebemos a notícia com muito pesar, porque Lino Rossi era um amigo e um grande jornalista. A imprensa, a política e toda a sociedade mato-grossense perderam um grande homem. Eu e Virginia estamos em oração para que Deus conforte a família e os amigos", lamentou Mendes.

O secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, destacou a trajetória profissional de Lino. "Ele foi um grande comunicador. Sabia como ninguém transmitir a informação pelas ondas do rádio. Ele deixará saudade", afirmou Mauro Carvalho. 


Lino durante apresentação do Jornal Giro Conti

O prefeito  de Cuiabá, Emanuel  Pinheiro, também emitiu nota de pesar pelo falecimento do amigo.

“A comunicação perdeu neste dia 31 de dezembro um dos maiores exemplos do jornalismo, de ética no exercício profissional, de inteligência, de habilidade fantástica na condução das entrevistas que pude lhe conceder.  Atordoado estou diante de uma notícia, que deixa uma lacuna na comunicação, em desamparo a todos os que o conheciam. Aos familiares, o que me acalenta em um momento de tamanha consternação, é saber que meu amigo de longa data, radialista respeitado e admirado, Lino Rossi, está amparado nos braços do Pai”, declarou, emocionado, Emanuel Pinheiro.

Nas redes sociais, amigos deixaram mensagens de pesar pela morte do apresentador.

"Neste momento de dor e consternação, só nos cabe pedir a Deus que lhe ilumine e lhe dê paz, e que dê conforto à sua família e amigos para que possam enfrentar esta imensurável dor com serenidade", ​escreveu o deputado estadual Dilmar Dal Bosco.

A família informou a Conti que atendendo a um pedido do próprio Lino, não vai haver velório. Haverá apenas uma cerimonia reservada para família.








 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet